Caça

Por Gabriela F.   quando teu corpo se desdobra em mim, eu sou coberta pelo êxtase. teus olhos cheios, tomam-me o que tenho de mais quente. em mim. me prenda. eu queimo. da cabeça aos pés. quarenta graus em baixo. selva. hoje é dia de caça. pegue tuas mãos e descubra. me explore. traz a…

Por 11 de junho de 2019 0

Nós

Por Caio Resende     A hora-vertigem, a hora derradeira em que o corpo, então entregue, se arvora no silêncio de tudo. Essa a hora em que o sangue é de todo passagem, terra convulsa na infância das coisas. É nessa hora sem lugar que o teu rosto se esconde, escorrendo na lama do agora sua…

Por 31 de maio de 2019 0

Flor de Laranjeira

Por Muriel Marinho   Minha mãe me disse que eu nasci de uma flor diferente, que enquanto muitos nasceram da flor do desejo de outros, eu nasci da flor do meu próprio desejo. Ela é muito bonita, a minha mãe. Fica brilhando lá no céu quando tá cheia e às vezes some em escuridão. Quando…

Por 31 de maio de 2019 0

Pontuação

Por Giovana Almeida O que fazer quando não se sabe. Qual a lógica de estar? Às vezes busco aquilo que nem sempre sei se quero. Mas por que iria querer? As pessoas são movidas pelo quê, afinal? O que te motiva? Acho que o único lugar em que esses devaneios realmente se consagram é no…

Por 22 de maio de 2019 1

Abre Caminho

Por André Dias abre caminho para o corpo fechado tenta permitir que as emoções se desprendem de cada célula deixa o fogo que habita no seu interior incendiar, pelo menos, um metro quadrado do seu território compartilha seu corpo! ele é seu, mas ele é do mundo também boca aberta na intenção de falar a…

Por 22 de maio de 2019 1

Lembrança

Por Giovanna Curcio substantivo feminino ação ou efeito de lembrar(-se). faculdade da memória. aquilo que ocorre ao espírito como resultado de experiências já vividas; reminiscência. aquilo que subsiste como testemunho de um fato passado. m.q. LEMBRETE (‘recurso’). o que se oferece como regalo; presente. expressão de amizade, de civilidade; cumprimentos, recomendações.   “aquilo que ocorre…

Por 22 de maio de 2019 0

Menino do Mato

Por Paulo Andrade “Menino do Mato” é a primeira obra do Manoel de Barros que tive a oportunidade de dedicar a leitura. Antes, só alguns fragmentos do autor. A minha escolha por ela se deu mediante uma expectativa ingênua, espontânea, a qual mal se constituía na consciência. Buscava um passeio num terreno gracioso, onde pudesse…

Por 6 de maio de 2019 0

Motivacional

Por F. Os desejos não são meus Estou deixando ir Desfiguro-me Tormenta que não descansa Que não sente e finge Minha carne pede Mas não sou eu Fragmentei-me E quem acusa descaso, mente! Não foi se não de muita ventura Que eu deixei de me cobrir em lascívias Fissuras desnecessárias Os dentes já não mordem…

Por 5 de maio de 2019 0

Escritos de Estrada

Por Anne V./ LapisLazuli   I. ei, você, ser que me lê que me vê que não seguirá esta e nenhuma outra ordem que habitou e desabitou e reabitou  — terras, lugares pessoas, mentes ares e mares — caminha! que tanto caminha que chega vai rir vai cantar vai florir e vai (ha)ver cores mas…

Por 16 de abril de 2019 0